>>>Festejando como Gatsby
Foto: ©Filip wolak

Festejando como Gatsby

El personaje creado por Scott Fitzgerald hubiera sido el perfecto anfitrión de la Jazz Age Lawn Party: un ‘viaje’ a los años 20 en el sur de Manhattan.
“Não consigo imaginar uma forma mais agradável de passar um fim de semana na cidade.” Essa cidade é Nova York e, o programa, a Jazz Age Lawn Party. A frase do já falecido fotógrafo especialista em street style Bill Cunningham é de 2014, ano em que fotografou o evento para o The New York Times. Mas agora, com uma nova edição desse evento cada vez mais próxima, ganha especial relevância. O que já é uma tradição do verão nova-iorquino acontece duas vezes por ano, em junho e agosto, e já tem datas marcadas: 13 e 14 de agosto.
Michael Arenella tem dois discos lançados, Blue River e Just in Time.
Foto: ©Filip Wolak

O rei da festa

Gel no cabelo, bigode fino e gravata borboleta. O visual de Michael Arenella é inconfundível. Na mão, uma batuta ou um trompete e, sob seu comando, a Dreamland Orchestra. O grupo também faz outras apresentações ao longo do ano, em Nova York, em lugares como The Red Room e Clover Club.

Por ser realizado em Colonels Row, um espaço para eventos em Governors Island, ao sul de Manhattan, a balsa é o principal meio de transporte até lá. Durante dois dias, a ilha faz uma viagem no tempo até os loucos anos 20. Fantasias, concursos de dança (swing, charleston), coquetéis de época e uma orquestra de jazz fazem com que essa viagem no tempo seja ainda mais realista. Quem leva a batuta da Dreamland Orchestra é Michael Arenella: filho de dois artistas nova-iorquinos, músico, empresário e autêntico devoto do jazz. Ele é o precursor e a alma mater do festival, que surgiu como uma pequena festa para seus amigos em 2005. Na época, chegou a reunir cerca de 100 pessoas. Nas últimas edições, foram vendidas cerca de dez mil entradas para o evento, o que faz da Jazz Age Lawn Party um dos maiores acontecimentos de verão da cidade. Não há regras para participar: todos são bem-vindos e, mesmo não sendo obrigatório, recomenda-se vestir roupas afinadas com os anos 20. “Uma das épocas mais coloridas e essenciais da história norte-americana”, como declara a própria organização. Uma época em que, quase um século depois, continua sendo nostálgica e imitada. Na Governors Island, a música emana de vitrolas antigas, as fotografias têm um toque vintage e as crianças brincam como seus bisavôs na Kidland. Uma coleção de carros antigos também é levada até a ilha para a montagem de uma exposição durante o festival!
O palco e a pista de dança são os mais requisitados da festa, embora o cenário de grande parte do festival seja o gramado da área conhecida como Colonels Row. Como se estivessem em um piquenique, os participantes experimentam diferentes aperitivos (também ao estilo dos anos 20) entre uma dança e outra.
Gregory Moore e The Dreamland Follies em um espetáculo durante o festival.
Foto: ©Filip Wolak
O coquetel St-Germain é o mais pedido e combina o licor de mesmo nome com vinho espumante, água mineral com gás e limão. A Metropolitan Seafood & Gourmet é a empresa responsável pelo catering, oferecendo um piquenique gourmet que inclui desde sanduíches até ostras e patê.
O festival acontece ao ar livre.
Foto: ©Filip Wolak
Os preços das entradas podem variar de 35 a 900 dólares (para quatro pessoas). Tickets especiais também estão à venda e incluem, além da entrada geral, alimentação e acesso a um bar privado (com coquetéis retrô). O nome desse passe VIP? Gatsby’s Garden.

Artigos relacionados

A ‘A-list’ de Nova Iorque

Nova Iorque não para de se renovar. Se este inverno viajar até à big apple não podemos impedir que passe...

Restaurante muda de cara segundo a estação do ano

Com a troca das estações, o restaurante Park Avenue altera o cardápio, a decoração e até o nome.

Encontros fora de série

Se é mais romântico do que Ted Mosby e deseja um encontro digno de ser contado aos seus futuros filhos,...

O melhor entardecer de Nova York

O sol se alinha com a grade quadriculada formada pelas ruas de Manhattan duas vezes por ano. Este fenômeno é...