>>>Viganella, a cidade que trouxe o sol
Viganella é uma cidade de apenas 200 habitantes.

Viganella, a cidade que trouxe o sol

No inverno, a italiana Viganella ficava às escuras. A cidade espanhola de Huelva, marcada precisamente pela luz, decidiu compartilhar com ela o seu sol. Um espelho fez a “mágica”.
D

urante mais de 80 dias por ano, Viganella, uma pequena cidade italiana, vivia mergulhada na sombra, sem luz solar. Enquanto isso, a espanhola Huelva contava com a presença do astro rei 190 dias por ano, tornando-se a cidade espanhola mais ensolarada. Sob o lema “Encontro da Luz”, ambas quiseram compartilhar este apreciado elemento. A luz foi o que as uniu.

No fim do século XIX, já havia propostas alternativas para iluminar Viganella, mas foi só há uma década que a solução se tornou possível para esta cidade do norte da Itália, a cerca de 130 quilômetros de Milão. Na base do vale de Antrona, sua localização não permite que o sol a visite entre novembro e fevereiro. Mas a paixão pelos relógios solares, assim como a vontade de retirar seus 200 habitantes da sombra, levaram o prefeito Pier Franco Midali e o arquiteto Giacomo Bonzani a encontrar uma forma de iluminá-la.

Mirror that illuminates Viganella
O espelho é constituído por uma parte mecânica que segue o movimento do sol em tempo real, iluminando cerca de 250 metros quadrados.

Atração turística

“Antes não havia ninguém nas ruas”, recorda o prefeito de Viganella. “Agora, é um lugar que atrai muitos turistas bed and breakfast.” Mas a história do espelho não promoveu apenas a Itália. Também divulgou Huelva, que, ao lado de Cádiz, forma a Costa da Luz da Espanha.

Foi uma viagem rumo à luz que não foi feita sozinha. O Patronato do Turismo de Huelva estava, naquele ano, investigando maneiras de atrair turistas para a Costa da Luz. E viu em Viganella a metáfora perfeita de seu projeto, decidindo apoiar a iniciativa. Um apoio simbólico que se manifestou com a visita de uma comitiva dos andaluzes à cidade italiana no dia da inauguração do espelho.

A estreia foi um sucesso, bem como as respectivas campanhas de divulgação turística. Huelva atraiu visitantes que procuravam luz e sol. José Prieto, então diretor do Patronato, lembra que se dizia que Huelva “tinha levado a luz aos Alpes”. “Teve muito impacto mediático”, comenta.

Rjukan is also illuminated by a mirror.
Antes de seu espelho, a cidade norueguesa de Rjukan tinha um teleférico para os habitantes subirem à montanha e tomarem sol por algumas horas.

Passou-se uma década. Um período durante o qual a invenção continuou funcionando a pleno rendimento. “É uma bela história; faz dez anos que funciona apenas com revisões dos elementos técnicos”, afirma o prefeito. Um aniversário que será celebrado como um grande evento no fim do ano. “Estamos preparando uma festa para que venham os amigos espanhóis que nos ajudaram.”

The village of Viganella, illuminated
Uma comitiva de Huelva viajou até Viganella para a iluminação inaugural da cidade. Depois, os italianos conheceram a região de Andaluzia.

Viganella será para sempre a “cidade do espelho”. Mas, além disso, como salienta Midali, é “um bonito lugar com uma igreja e uma torre medieval antiga”. “A porta de entrada da cidade e o centro histórico são belíssimos.” O prefeito aconselha terminar o dia nas tabernas da aldeia, onde é possível degustar vinhos locais de elaboração própria: os vinhos do Piemonte. Tradições de sempre, porque Viganella é um lugar que conserva suas raízes e que, graças à imaginação e à técnica, brilha com luz própria.

Artigos relacionados

Super-heróis entre muralhas medievais

Protegida por uma bonita muralha na região italiana da Toscana, Lucca ganha nova vida em outubro com seu festival Lucca...

Roma, eternamente jovem

É a cidade eterna porque, nela, juntam-se passado, presente e futuro. Mas também porque sempre consegue apresentar-se como nova, mesmo...

Jantar romântica numa gruta

O Grotta Palazzese é um daqueles restaurantes que inspiram um pedido de casamento como nos filmes. Fica no sul de...

Un museo a 2.275 metros

O último espaço do Messner Mountain Museum, e projeto do alpinista Reinhold Messner, foi inaugurado no mês de julho. Messner...